PAI-NOSSO QUE ESTAIS NA TERRA – José Tolentino de Mendonça

PAI-NOSSO QUE ESTAIS NA TERRA – José Tolentino de Mendonça
O Pai-Nosso Aberto a Crentes e a Não Crentes

TÍTULO

PAI-NOSSO QUE ESTAIS NA TERRA

AUTOR

JOSÉ TOLENTINO DE MENDONÇA

Ler José Tolentino Mendonça é, antes de mais, ser levado numa viagem pelas palavras. A poesia permeia o texto, mesmo quando estamos a ler a sua prosa. O tesouro léxico que Tolentino possui, aliado ao seu estilo criatividade, presenteiam-nos um banquete em forma de escrita. Por vezes parece que podemos visualizar o padre no seu jeito humilde e sorridente a falar sobre aquilo que estamos a ler. Seria no entanto uma falha falar apenas da forma da escrita, Tolentino oferece-nos também conteúdo. E não é pouco.

“Pai Nosso Que Estais Na Terra”, esta pequena subversão à oração que Jesus ensinou aos seus discípulos lança o mote para o que vamos experiênciar neste livro. Uma visão fresca e inspiradora sobre a oração mais famosa do Cristianismo.
O ponto de partida são as palavras do “Pai Nosso”, o de chegada é sempre uma surpresa. E que surpresa!
Na escrita de Tolentino há um notório cuidado com a relação do que escreve com os tempos actuais. Apenas um breve exemplo:
Sobre Deus e o caminho espiritual, faz-nos bem a nós crentes escutar os não-crentes. Posso dizê-lo por mim próprio: ensinam-nos tanto! É que corremos o risco de facilitar, de dar por adquirido, de reproduzir acriticamente. Corremos o risco de nem pensar. 
A dúvida, a descrença, a revisitação de certos chavões e práticas religiosas, são alguns dos vários temas presentes que trazem este livro para o hoje. Especialmente para pessoas que não partilham a fé Cristã. Fica a dica para uma possível partilha com um amigo não-Cristão, é um belo cartão de visita da fé Cristã atual.
A sensação com que ficamos no final deste livro é a de que fomos dilatados, que fomos obrigados a ver Deus, o mundo, a vida, a fé, Jesus e, claro, a oração, de uma forma mais vasta e profunda. Acontece que volta-e-meia, aquando da leitura, sentimos vivas, vibrantes mesmo, certas palavras da oração de Jesus, como que uma Voz que se eleva das demais e nos chama para uma experiência de vida mais do que para uma análise exegética ou hermenêutica.
Por fim, devo dizer que é um privilégio ler bons livros de temática cristã em Português de Portugal. Existem sempre algumas coisas que se perdem nas traduções, nesta obra temos a oportunidade de ler o original. Se porventura faltasse algum motivo para arriscar ler este livro, aqui está ele.  

POR NATANAEL GAMA


PAI-NOSSO QUE ESTAIS NA TERRA, DE JOSÉ TOLENTINO MENDONÇA, PUBLICADO POR PAULINAS EDITORA, LISBOA