BIBLION 3


MAIS LEITURA


TÍTULO

CONTRA-CULTURA

AUTOR

DAVID PLATT

Tendo vivido na primeira pessoa, e por todo o mundo, experiências junto dos que mais sofrem com a natureza humana, através de estados de pobreza extrema, do tráfico humano, da perseguição religiosa e étnica, ou da pornografia, David Platt conduz o leitor a uma decisão que pode mudar a vida de qualquer indeciso: recuar ou arriscar?

FUNDAMENTANDO OS SEUS argumentos na Bíblia, neste livro, David Platt apela aos cristãos que se unam no propósito missionário de enfrentar, activamente, os problemas que afetam este mundo: “Deus ama-nos demasiado para permitir que vivamos com indiferença ou inação. Seguramente, quer-nos agindo: orando a Ele, participando com Ele e proclamando a Sua Palavra no mundo à nossa volta.”

Desafiando-nos a agir, Platt partilha as mesmas ideias de autores consagrados para sustentar o seu pensamento. De Stott a Schaeffer, de Keller a DeYoung, apresenta ainda Thabiti Anyabwile (racismo), Russell Moore (imigração) e Greg Koukl (direito à vida), como parceiros de um discurso cristão, defendendo que este carece de ser seguido por quantos se identificam com as causas anunciadas no livro.

A pobreza, o holocausto moderno do aborto, a solidão de orfãos e viúvas, o tráfico sexual, o casamento, a imoralidade sexual, a diversidade étnica, a crise dos refugiados, a liberdade religiosa. São o temas abordados, tratados sem meias-medidas, com a frontalidade de quem se levanta todas as manhãs com vontade de mudar o mundo.

Platt apresenta exemplos de amigos que vivem experiências reais. Ele próprio fala por vivência própria, pois atua no campo missionário a uma escala global, presidindo ao IMB – International Mission Board, que congrega mais de quatro mil missionários.

Um livro que contende connosco e nos confronta perante o que acontece no planeta. Estaremos mesmo dispostos a seguir Jesus? David Platt deixa-nos três questões: Conforto ou a cruz? Manter o que temos ou sacrificar-mo-nos em missão? A vida marcada por uma mente indecisa ou um coração dividido? BluMarkB15X23

Nota: este comentário refere-se à 2ª edição do livro Contra-Cultura, recentemente lançada nos Estados Unidos, mas ainda sem edição em língua portuguesa. Sugerimos a leitura da 1ª edição, lançada no final de 2016, no Brasil, pela Editora Vida Nova.

COUNTER CULTURE: FOLLOWING CHRIST IN AN ANTI-CHRISTIAN AGE
David Platt – Translation of the article into English

Having lived in the first person, and al over the world, experiences with thosewho suffer the most from human nature, through extreme poverty, human trafficking, religious and ethnic persecution, or pornography, David Platt leads the reader to a decision that can change the life of any doubtful mind: Retreat or Risk?

Having lived in the first person, and al over the world, experiences with thosewho suffer the most from human nature, through extreme poverty, human trafficking, religious and ethnic persecution, or pornography, David Platt leads the reader to a decision that can change the life of any doubtful mind: Retreat or Risk?
Grounding his arguments in the Bible, in this book, David Platt appeals to christians to unite around the purpose of actively confront problems that affect this world: “God love us too much to allow s to live with indifference or inaction. Surely, he wants us to act: praying to Him, sharing with Him and proclaiming His Word in the World around us”.
Challenging us to act, Platt shares same ideas from renowned authors to support his thinking. From Stott to Schaeffer, from Keller to DeYoung, also presents Thabiti Anyabwile (racism), Russell Moore (immigration) and Greg Koukl (The right to life), as partners in a Christian discourse, defending that it needs to be followed by those who identify themselves with the causes announced in the book.
Poverty, the modern holocaust of abortion, the lineliness of orphans and widows, sex trafficking, marriage, sexual immorality, ethnic diversity, the refugee crisis, religious freedom. These are the topics covered, treated without half-measure, with the frontality of who, willingnessly, gets up every morning to change the world.
Platt shows examples of friends who experience it for real. He also speaks fromhis own experience, once he acts in the missionary field on a global scale, presiding IMB – International Mission Board, which brings together over four thousand Missionaries.
A book that contends with us and confronts us before what happens on the planet. Will we be willing to follow Jesus? David Platt leaves us three questions: Comfort or the cross? Keeping what we have or sacrificing ourselves on mission? The life marked by an indecisive mind or a divided heart?


EXCERTOS EXTRAÍDOS DE COUNTER CULTURE, DE DAVID PLATT, PUBLICADO POR TYNDALE MOMENTUM, CAROL STREAM, IL. – USA
DAVID PLATT:

Desde 2006, é pastor da Brook Hills Church, em Birmingham, Alabama.
Presidente do IMB – International Mission Board.
Fundador da Radical Inc. – ministério que serve igrejas a prosseguir a missão de Cristo.
Presidente do Theology Working Group para o Movimento de Lausanne.
Estudioso, possui 2 licenciaturas, pela Universidade da Geórgia, e 3 doutoramentos, pelo Seminário Teológico Baptista de New Orleans.
Autor premiado, publicou também Follow Me (Segue-me), Radical e Radical Together.
É casado com Heather, e são pais de quatro filhos: Caleb, Joshua, Mara Ruth e Isaiah.